Torneio Quatro Nações arrecada mais de 2 toneladas de alimentos

Arrecadação de alimentos ultrapassou a marca de 2 toneladas. Foto: Divulgação/CBHb

Arrecadação de alimentos ultrapassou a marca de 2 toneladas. Foto: Divulgação/CBHb

A solidariedade sempre deveria vir em primeiro lugar e, nesta semana, os fãs do handebol brasileiro deram um belo exemplo disso. Os ingressos para o Torneio Quatro Nações Feminino de Handebol que seria realizado em Brasília (DF) este fim de semana, foram trocados por um quilo de alimento não perecível para serem doados a três instituições carentes do Distrito Federal. Com a chuva que atingiu a capital nos últimos dias e a falta de condições do ginásio Nilson Nelson, a competição não pôde ser disputada, mas ainda assim, os alimentos arrecadados farão a alegria de muita gente.

Ao todo, foram arrecadados 2272* quilos de alimentos não perecíveis que foram doados para a Comunidade Terapêutica Elshadai (Núcleo Rural Boa Esperança), de Ceilândia (DF), o Instituto Acolhendo Vidas, de Candangolândia (DF), e a Horta Comunitária da Pastoral da Criança, de Planaltina (DF).

A arrecadação de alimentos em troca de ingressos é uma prática comum da Confederação Brasileira de Handebol, nos eventos organizados por ela e, em Brasília, a ação superou as expectativas, principalmente pelo fato de que as pessoas, mesmo sabendo que não poderiam mais assistir as partidas, acabaram fazendo as doações.

*Com informações da CBHb

Jordi Ribera convoca seleções para treinamento em Santa Catarina

Jordi Ribera convocou a seleção adulta e de novos para a fase de treinamentos em Blumenau. Foto: Divulgação/CBHb

Jordi Ribera convocou a seleção adulta e de novos para a fase de treinamentos em Blumenau. Foto: Divulgação/CBHb

O técnico da Seleção Masculina de Handebol, o espanhol Jordi Ribera, convocou as Seleções Masculinas Adulta e de Novos para uma fase de treinamentos no SESI de Blumenau (SC), de 14 a 23 de dezembro. O objetivo do treinador é observar e testar atletas para as próximas competições.

Para a equipe Adulta foram chamados 19 jogadores, com novidades como o goleiro Pedro Henrique Silva, o ponta Vítor Medeiros e o pivô Cauê Herrera, além de atletas que retornam ao grupo depois de um período sem serem chamados.
Já para a Seleção de Novos foram convocados 20 jogadores, pensando em adaptar os jovens talentos no esquema de jogo da Seleção Masculina. O próximo compromisso da Seleção Adulta é o Torneio Domingos Bárcenas, onde o Brasil enfrentará Espanha, Suécia e Polônia, no início de janeiro, na Espanha.

Seleção Brasileira Adulta Masculina*

Goleiros: Luiz Ricardo Miles “Rick” (TCC/Unitau/Fecomerciários/Taubaté – SP), Maik Santos (TCC/Unitau/Fecomerciários/Taubaté – SP) e Pedro Henrique Silva (FAB/Vasco – RJ).
Centrais: Diogo Hubner (Esporte Clube Pinheiros – SP) e Thiago Torres dos Santos (TCC/Unitau/Fecomerciários/Taubaté – SP).
Armadores: Fernando Pacheco Filho “Zeba” (TCC/Unitau/Fecomerciários/Taubaté – SP), Gustavo Nakamura Cardoso “Japa” (São Caetano – SP), Haniel Langaro (Esporte Clube Pinheiros – SP), José Guilherme de Toledo “Zé” (Wisla Plock – Polônia), Oswaldo Guimarães (Villa de Aranda – Espanha) e Thiagus Petrus Santos (MOL-Pick Szeged – Hungria).
Pontas: André Soares “Alemão” (TCC/Unitau/Fecomerciários/Taubaté – SP), Fábio Chiuffa (Ciudad de Guadalajara – Espanha), Lucas Candido (TCC/Unitau/Fecomerciários/Taubaté – SP), Vitor Medeiros (Esporte Clube Pinheiros – SP) e Wesley Freitas (Esporte Clube Pinheiros – SP).
Pivôs: Ales Silva (Ciudad de Guadalajara – Espanha), Cauê Herrera de Oliveira (Adrecha-FMCE Joaçaba – SC) e Vinícius Teixeira “Vini” (TCC/Unitau/Fecomerciários/Taubaté – SP).
Seleção Brasileira de Novos Masculina
Goleiros: Lucas dos Santos (Vila O. Greip da Penha/MC/SMEL – RJ), Matheus da Silva (ASHB/Sorriso/Sicredi – MT) e Murillo Santana (Esporte Clube Pinheiros – SP).
Centrais: Mateus Melo (ACES – ES), Pedro Pacheco (Esporte Clube Pinheiros – SP) e Rayzon Monteiro (CAIC/GHC/UFPI – PI).
Armadores: Gustavo Nogacz (FAE Blumenau/Foz do Brasil/FMD – SC), João Guilherme Ribeiro (Esporte Clube Pinheiros – SP), Jonathan da Silva (Esporte Clube Pinheiros – SP), Leonardo Comerlatto (AERC-Handebol São José – SC), Paulo Vinicius Candido (ASHB/Sorriso/Sicredi – MT) e Tarcísio Freitas Olveira (ACES – ES).
Pontas: Aleffer Bellan (Aceu/Univali/FMEBC – SC), Cauê Ceccon Baptista (Esporte Clube Pinheiros – SP), Guilherme Torriani (Metodista/São Bernardo – SP), Marcos Vinicius dos Santos (ADJF/Independência Trade/MRS – MG) e Pedro Paulo Júnior (ACEU/Univali/FMEBC – SC).
Pivôs: Douglas Otelakoski (ACEU/Univali/FMEBC – SC), Jonas Alves (ADJF/Independência Trade/MRS – MG) e Matheus Francisco da Silva (Esporte Clube Pinheiros – SP).
*Com informações CBHb

Brasil vence no Torneio Quatro Nações

O Brasil conseguiu passar pela Sérvia neste domingo. Foto: Divulgação/CBHb

O Brasil conseguiu passar pela Sérvia neste domingo. Foto: Divulgação/CBHb

Marcado por cancelamentos devido as condições do  ginásio Nilson Nelson no domingo foi a vez do Brasil encarar a Sérvia, só que agora para o Centro de Capacitação Física do Corpo de Bombeiros (Cecaf), e na partida que foi realizada em três tempos de 20 minutos nossas guerreiras saíram com a vitória (9-9,18-15 e 24-23) em uma partida marcada pelo equilíbrio.

Sobre os problemas no ginásio a Confederação Brasileira de Handebol explicou: ” Confederação Brasileira de Handebol decidiu realizar o torneio em Brasília, fez diversas vistorias no ginásio Nilson Nelson, porém, nestas ocasiões o clima estava seco e em nenhum momento a entidade foi comunicada sobre a existência de goteiras no local. Esta semana, quando a organização já estava trabalhando para deixar tudo pronto, tomou conhecimento do fato no momento em que estava instalando o piso e viu as goteiras durante a chuva. Todas as providências foram tomadas para solucionar o problema, mesmo não sendo responsabilidade da entidade a parte estrutural do local. Uma empresa especializada foi contratada para fazer os trabalhos de forma emergencial, indicada pelas autoridades do Distrito Federal, e conseguiu diminuir o problema. Porém, a chuva foi muito forte e não foi possível conter todos os pontos.”

Com a alteração no domingo a partida entre Argentina e Eslovênia aconteceu no inicio da manhã e também demonstrou equilíbrio as europeias se mantiveram a frente no placar, mas depois as argentinas conseguiram buscar o resultado terminando a partida empatada em 22 a.

 

 

IHF promove cursos para treinadores e árbitros na Lituânia e no Chile

Os cursos promovidos pela IHF buscam a promoção e aprimoramento do handebol. Foto: Divulgação/IHF

Os cursos promovidos pela IHF buscam a promoção e aprimoramento do handebol. Foto: Divulgação/IHF

Dois cursos técnicos para treinadores foram realizados na Lituânia e no Chile, no mês de setembro no âmbito do programa Solidariedade Olímpica do COI, que visa organizar a assistência para todas as NOCs ( comissão de organização do handebol nos países filiados), em particular para aqueles com maiores necessidades. 

De 7 a 11 de setembro, o professor Klaus Feldmann da Alemanha realizou pela Federação Internacional de Handebol o Solidariedade Olímpica, Curso Técnico de nível 3 para Treinadores na capital da Lituânia, Vilnius. Um total de 33 participantes ingressou no curso. Durante o curso Mr Feldmann foi apoiado pelo docente local Miglius Astrauskas. Os principais tópicos do curso incluíram ataque, defesa e os princípios de treinamento de handebol e seu processo de planejamento. No geral Klaus Feldmann relatou que o curso foi bem sucedido.

A Federação de Handebol do Chile juntamente com a sua NOC recebeu a aprovação do projeto para hospedar um curso técnico de nível 2 para Treinadores nos dias 11 a 21 também em setembro. A IHF nomeou  o professor Juan Lorenzo Antón Garcia da Espanha para realizar o curso. Ao todo 26 treinadores no complexo do Comitê Olímpico do Chile em Santiago e todos os treinadores passaram no exame final, no último dia do curso.

De acordo com o feedback do professor para a IHF, o nível dos participantes foi muito bom. Eles mostraram um grande interesse, que foi proporcionou várias discussões sobre uma melhora no nível de conhecimento handebol.

 No contexto do desenvolvimento do esporte,o professor Felix Ratz realizou três cursos de arbitragem em Cingapura de 19 a 25 de outubro, incluindo dois cursos para recém-chegados com 7 e 11 participantes e um curso avançado com 12 participantes. Ao longo de dois dias, os árbitros participaram de aulas teóricas sobre, entre outros, as habilidades básicas de arbitragem, tais como sinais de linguagem corporal e táticas. Além disso, eles realizaram treinamentos e arbitragem de jogos.

Todos os cursos realizados pela federação em 2015 visão a promoção e aprimoramento do handebol em todos os continentes. Só neste ano países que nunca haviam tido contato com a modalidade puderam não só conhecer o handebol, mas também formar comitês e confederações para realizar campeonatos  para chegar ao nível de competições internacionais.

Partidas do Torneio Quatro Nações tem entrada gratuita

 

A seleção não pode competir na sexta, mas manterá as partidas contra a Sérvia e Eslovênia. Foto: Divulgação/CBHb

A seleção não pode competir na sexta, mas manterá as partidas contra a Sérvia e Eslovênia. Foto: Divulgação/CBHb

Depois do cancelamento da primeira rodada do Torneio Quatro Nações Feminino de Handebol devido as fortes chuvas da última sexta-feira (27) em Brasília as partidas do sábado (28) terão a entrada gratuita. Com o cancelamento o Brasil que jogaria contra a Argentina encara a Eslovênia ás 13h50, enquanto as argentinas encaram a Sérvia ás 15h50.

No domingo a programação segue a mesma com Argentina e Eslovênia às 10h e Brasil e Sérvia às 12h, todos os jogos do Brasil serão transmitidos pelos canais SporTV. A opção por cancelar a partida foi tomada devido ao ginásio Nilson Nelson acabar ficando com o piso muito úmido por causa da inversão térmica, visando preservar nossas atletas que ainda tem pela frente o mundial da Dinamarca a confederação brasileira optou pelo cancelamento, mas nossas guerreiras saudaram os brasilienses que lotaram o ginásio para apoiar.