Ribeirão Preto e São Caetano venceram na quarta de Super Paulistão

ribeirao-preto-e-franca

A noite de quarta-feira, 29 de junho, foi marcado por dois jogos no Super Paulistão. No masculino, o Ribeirão Preto venceu o Franca, por 27 a 29. No feminino, o São Caetano superou o Santo André, por 19 a 23. A competição segue neste final de semana.

No sábado, 2 de julho, entre os rapazes, o Franca enfrentará o Taubaté, às 19h, no Ginásio Amauri Destro. No domingo, 3, o Taubaté retorna a quadra, só que para enfrentar o Ribeirão Preto, no Albert Sabin, às 11h.

Entre as garotas haverá apenas um jogo. Santo André e Camilópolis se enfrentam no sábado, às 17h, no Ginásio Camilópolis.

No Super Paulistão de Base

A quarta também foi marcada pelo Super Paulistão na Base. No Cadete Feminino, o Itapevi venceu o Jundiaí, por 26 a 19. Nesta categoria, em ambos naipes, a competição dá uma pausa até agosto.

*Em parceria com Lance!

Seleção Brasileira entra no mundo das lutas para melhoria técnica

brasil-lutas

O rafting também fez parte das atividades do grupo nacional

A Seleção Brasileira Masculina está em preparação para as Olimpíadas Rio 2016 e como parte desta prepração outros esportes estão sendo praticados, não apenas para fazer um trabalho diferenciado, mas também preparar o corpo e a mente. E nesta semana a Seleção trocou as quadras pelo tatame e entrou no mundo das lutas. E não só isso, a equipe também fez descida de rafiting pelo Rio do Peixe,em Socorro (SP).

A atividade foi realizada na terça-feira, 28 de junho, e os atletas tiveram aulas de boxe, muai thai e jiu jitsu, na academia Go Fight, em Atibaia (SP). Além destas aulas, o grupo nacional passará por práticas de rafting, canoagem, trilha, rali e outros esportes.

O preparador físico da Seleção, Luigi Turisco, explicou o motivo de utilizar outros esportes, como as lutas, nos treinos. “O objetivo desse trabalho é desenvolver a força de luta, já que sabemos que o handebol é um esporte de grande contato. Pensando na preparação física dos atletas, esse tipo de atividade gera uma adaptação muscular e mental, além de melhorar as capacidades físicas de força e resistência”, salientou Turisco.

O preparador contou que os jogadores gostaram muito desta nova atividade, e o resultado foi ótimo. “No final, os atletas saíram bem cansados, mas também bem animados. A proposta dessa semana é condicionar os atletas de forma dinâmica e com atividades diferentes, preparando para a próxima fase, que será com treinos mais específicos e voltados para melhoria das capacidades físicas da modalidade e também para deixá-los prontos para os treinos mais intensos na quadra”, concluiu.

*Em parceria com Lance!

Seleção Júnior embarca nesta sexta para a Rússia

selecao-base

A Seleção Brasileira Júnior Feminina embarca nesta sexta-feira, 1º de junho, para Moscou (RUS), onde disputará o Mundial da categoria, a partir do dia 3 quando enfrentará a Coreia do Sul, às 4h (Pelo Horário Oficial de Brasília).

O Mundial será de 3 a 15 de julho, sendo que o Brasil disputará a competição no Grupo B, junto com Coreia do Sul, Croácia, França, Tunísia e Áustria. Na Chave A estão Dinamarca, Hungria, Montenegro, Noruega, Angola e Uzbequistão. No grupo C temos as seleções da Romênia, Alemanha, Espanha, Argentina, Egito e Cazaquistão. Enquanto na chave D estão Rússia, Suécia, Holanda, Japão, China e Chile.

A estreia brasileira no Mundial acontecerá no dia 3, quando a equipe enfrentará a Coreia, às 4h, no Krylatskoye Sports Palace.

A experiência internacional desta Seleção é uma pequena vantagem. A base deste grupo em 2014 venceu o Pan-Americano Juvenil e ficou em sétimo no Mundial Juvenil, neste ano, já como juniores, a equipe conquistou o Pan da categoria. O técnico Daniel Cubano explicou que o grupo brasileiro está em plenas condições para bater as metas neste Mundial, principalmente após os bons resultados nos treinos. “Primeiramente, o nosso objetivo é melhorar a nossa última colocação no Mundial Júnior (15º lugar), depois conseguir a melhor posição da história da categoria (9º lugar), sempre buscando evoluir a cada jogo. Estamos treinando desde janeiro para este momento e acredito que o time está pronto para o Mundial”, contou.

Cubano, no entanto, admite que os adversários desta primeira fase são muito bons e para o Brasil passar por eles não será tarefa fácil. “Todos os adversários da chave são difíceis. Além de serem boas Seleções e com características distintas, elas têm tradição no esporte, mas estamos preparados. Vamos subir um degrau de cada vez, pensando jogo a jogo”, concluiu.

Programação de jogos do Brasil

Horário de Brasília

Domingo, 3 de julho
4h – Brasil x Coreia do Sul

Terça-feira, 5 de julho
10h – Brasil x Croácia

Quarta-feira, 6 de julho
8h – Brasil x Tunísia

Sexta-feira, 8 de julho
14h – Brasil x Áustria

Sábado, 9 de julho
14h – Brasil x França

Seleção Júnior Feminina

Goleiras: Alice Fernandes da Silva (Pinheiros-SP) e Maitê de Lima Dias (Apahand/UCS/Caxias-RS).

Centrais: Daniele de Santana (Português/AESO-PE) e Gabriela Romero Moraes (Pinheiros-SP).

Armadoras: Bruna de Paula (Instituto Buzzo Sport/São José dos Campos-SP), Cecília Mouzinho (Clube Português/AESO-PE), Juliana Lima (Apahand/UCS/Caxias-RS), Mariane Fernandes (São Bernardo/Metodista-SP) e Talita Alves Carneiro (AAU – Handebol Concórdia-SC).

Pontas: Aline Bednarski (Hebraica-SP), Ana Claudia Bolzan (AAU – Handebol Concórdia-SC), Ana Luiza Borba (AAU – Handebol Concórdia-SC), Marilene de Souza (Instituto Buzzo Sport/São José dos Campos-SP) e Nicole Luz Damascena (Pinheiros-SP).

Pivôs: Camila Maia (Português/AESO-PE) e Lígia Costa (Pogon Szczecin-Polônia).

Comissão técnica
Técnico: Daniel Suarez, o Cubano
Auxiliar técnico: Isaias Oliveira
Treinadora de goleiras: Camila Dionizio
Preparador físico: Fausto Steinwandter
Fisioterapeuta: Eduardo Ruhling
Supervisora: Cláudia Monteiro do Nascimento

Julho começa com treinos finais para Seleção Brasileira Júnior

brasil O mundial da Rússia se aproxima e a Seleção Brasileira Júnior Feminina de Handebol inicia última etapa de treinos antes de encarar a principal competição da categoria. A cidade paulista de São Bernardo do Campo recebe a seleção desde a quinta-feira da semana passada (23) contou com amistosos contra as equipes adultas do São Caetano, Vegus/Guarulhos, Osasco e da seleção da casa. Na quinta-feira (30) é a vez de finalizar a série de jogos-treino contra o CEPE/Santos.

A equipe do técnico Daniel Suarez, o Cubano, embarca para a Rússia na sexta-feira (1) e estreia no Mundial no domingo (3), contra a Coreia do Sul, às 4h (horário de Brasília). Com um cronograma de treinos intensos que aconteceu de janeiro até junho o técnico acredita que a seleção júnior terá um bom desempenho durante a competição.

*Em parceria com Lance!

Começou nesta terça a Taça Vila Olímpica de Handebol

ginasio-vila-olimpica

Começou nesta terça-feira, 28 de junho, a Taça Vila Olímpica de Handebol, no Ginásio Vila Olímpica, em Manaus (AM). A competição está na sétima edição, e reunirá mais de 20 equipes nas categorias, infantil, juvenil, júnior e master.

Nesta noite aconteceram dois jogos pelo júnior masculino: o Columbia Esporte Clube encarou o Isaías Vasconcelos, já o Nilton Lins enfrentou o Santa Etelvina. Ambas partidas ainda não tiveram os resultados divulgados. Até o domingo, 3 de julho, serão mais de 50 confrontos.

Na edição 2015, o Nova Vida ficou com o título no infantil e juvenil feminino; o Sesc/RR venceram no infantil masculino; o São Sebastião ficou com a primeira colocação do juvenil masculino; e no master o ouro ficou com o Sul América.

hand-amazonas