Crise econômica fecha as portas de uma das principais equipes do País

Metodista e São Caetano/ Foto: Federação Paulista de Handebol

A crise econômica fechou as portas de uma das principais equipes do País, a Metodista anunciou nesta semana que não terá mais atividades no masculino, a equipe, aliás, deixou competições, entre elas o Super Paulistão, no qual estava na segunda posição do quadro geral.

A equipe masculina da Metodista tem 24 anos e ao longo deste trajeto conquistou, junto a parceria com a prefeitura de São Bernardo do Campo, dois títulos Pan-Americanos, cinco Sul-Americanos, 11 títulos do Super Paulistão, além de oito Ligas Nacional.

O anúncio do fim das atividades da Metodista foi realizada pelo Diretor Esportivo Adriano dos Santos, o Grilo. O último treino com o elenco foi no dia 1º deste mês.

Com o fim da parceria, o time feminino também foi encerrado, mas com um novo patrocinador voltou a jogar. Desde então, a ADC Metodista tentava manter o time masculino com recursos próprios.

Mesmo com o fechamento do time universitário, a expectativa, de acordo Grilo, é se reorganizar para que a equipe volte em 2018.

Base segue com os treinos

O corte no orçamento do handebol profissional, felizmente, não atingiu a base, que treina no projeto Handebol Formando Talentos, que possui futuros atletas de 7 a 17 anos.

O projeto é financiado pela Lei de Incentivo ao Esporte, do Governo do Estado de São Paulo.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s