Mundial Escolar Doha 2018: Hungria e Áustria são campeões

As meninas entraram em quadra na madrugada/ Foto: CBDE

Na manhã desta quarta-feira, 28 de fevereiro, aconteceu as finais do Mundial de Handebol Escolar. No feminino a Hungria se tornou a grande campeã. No masculino, a Áustria levantou o caneco. Os brasileiros também entraram em quadra, mas não conseguiram vencer, no feminino o Brasil ficou em quarto, no masculino em sexto.

Na final feminina, a Hungria encarou a Alemanha. O jogo foi bastante disputado, com bons lances, mas as húngaras conseguiram ser mais enfáticas no ataque, foram para cima e abriram vantagem, dando pouco espaço para a reação das alemãs. Placar Final: ALE 17 x 30 HUN.

Na luta pelo bronze, Brasil, representado pelo Colégio Amorim, encarou a Dinamarca. O jogo foi intenso, com as duas seleções atacando bem. Mas a defesa dinamarquesa estava melhor e fechou-se não dando espaço para os avanços brasileiros e contra-atacando velozmente. Desta forma abriu vantagem e a aumentou no segundo tempo. Porém, nos minutos finais, a Seleção Brasileira foi para cima, encontrou espaços e segurou a Dinamarca. A vantagem que chegou a ser de sete gols, diminuiu para três. Infelizmente, não deu tempo para as brasileiras buscarem o empate, vitória das dinamarquesas. Placar Final: BRA 25 x 28 DIN.

Já era manhã no Brasil quando os meninos encaram os turcos/ Foto: CBDE

No masculino, a Seleção Brasileira, representada pelo Caic Balduíno, encarou a Turquia, pela quinta colocação. O jogo foi bastante disputado, com bons ataques para ambos lados. Contudo, a seleção turca conseguiu envolver a Brasileira, e impôs ritmo no jogo, e dominaram o placar. Na etapa complementar a partida passou a ser mais equilibrada, com as duas equipes nacionais em par de igualdade. Nos 15 minutos finais, o Brasil passou a dominar o confronto, atacou mais vezes e achou espaços no bloqueio turco, mesmo assim, não conseguiu evitar a derrota. Placar Final: BRA 29 x 33 TUR.

Na decisão do bronze, Israel conseguiu envolver a seleção da Polônia e abriu uma pequena vantagem, que manteve durante a primeira e a segunda etapa, desta forma, venceu e ficou com a terceira colocação. Placar Final: POL 24 x 29 ISR.

A final masculina foi entre Áustria e Alemanha. O jogo foi bem disputado com bons lances e bons ataques. A Alemanha atacou mais forte e abriu vantagem, porém, no segundo tempo, a Áustria conseguiu reagir e foi para cima, aos 20 minutos empatou, 18 a 18, e logo após virou, abrindo uma pequena diferença e a mantendo até o último apito, ficando com o título. Placar Final: AUT 21 x 18 ALE.

Anúncios

Drops handebol: jogo pela EHF Cup, comemorações, torneio e time que volta das férias

Maringá quer o título do Panaense / Foto: divulgação

O mundo do handebol não para e nessa terça-feira, 27 de fevereiro, um drops handebol com algumas das principais notícias do esporte. Nesse meio de semana terá uma partida pela EHF Cup masculina, o handebol no Paraná está de aniversário, o Maringá voltou aos treinos de olho no campeonato estadual e na Liga Nacional, e estão abertas inscrições para torneio voltado as equipes de base em Taubaté (SP). Confira!

Göppingen e Riihimäen Cocks abrem as disputas da EHF Cup

Göppingen e Riihimäen Cocks abrem as disputas da EHF Cup, no masculino, nessa quarta-feira, 28 de fevereiro. O confronto válido pelo Grupo C será, às 16h.

Em três rodadas, o Göppingen está em primeiro na chave, com seis pontos. Já o Riihimäen Cocks ainda não conseguiu vencer e está em último.

Paraná comemora 50 anos do handebol no estado

Paraná comemora 50 anos do handebol no estado no dia 17 de março. Uma série de eventos comemorativos será realizada. O aniversário oficial do desporte é em março, mas a partida de estreia aconteceu em 22 de fevereiro de 1968, realizada pelo professor João Marin Mechia, ex-atleta, técnico e secretário de Esportes e Lazer de Maringá.

O principal evento comemorativo acontecerá no Ginásio Bruno César Benatti, em Nova Esperança, no dia 17, e possuí o apoio do prefeito Moacir Olivatti. O professor Ronaldo Rodrigues será o responsável por coordenar as atividades que serão realizadas.

No evento também serão homenageados ex-jogadores que atuaram no Nova Esperança e que jogaram pelas seleções do Paraná e Brasil, e haverá quatro partidas amistosas de handebol master.

Maringá voltou aos treinos

O Maringá voltou aos treinos no feminino, na última segunda-feira, dia 26 de fevereiro, de olho nas competições que disputará nessa temporada 2018, no qual incluem o Campeonato Paranaense, os Jogos Abertos do Paraná e a Liga Nacional.

A equipe, que atua no Ginásio Chico Neto, é comandada pelos técnicos Sebastião Fernandes e Valmir Fassina. Nesse primeiro momento a equipe realiza treinamentos físicos, pois de acordo com os treinadores é importante que as atletas retornem ao bom condicionamento físico, quando estiverem prontas avançaram para os treinamentos com bola.

A equipe se mantem quase a mesma que disputou a temporada passada, e possui dois reforços, a armadora esquerda Stefany, que jogava em Sarandi, e a central Isabella, que estava no Concórdia.

Aberta as inscrições para 2ª Copa Taubaté

Estão abertas as inscrições para 2ª Copa Taubaté de Handebol. Podem participar equipes do Mirim, Infantil e Cadete.

A Copa Taubaté acontecerá de 31 de maio a 3 de junho, no Ginásio Emecal, em Taubaté (SP). As equipes que não forem da cidade terão alojamento gratuito.

Informações pelo telefone/Whatsapp: (12) 99145-4639, falar com professora Sofia.

Quarta-feira com disputadas da Liga Asobal

Barcelona é líder e está a 11 pontos a frente do vice colocado/ Foto: página da equipe

A quarta-feira, 28 de fevereiro, será de jogos pela Liga Asobal. Ao todo serão quatro partidas válidas pelo começo da 20ª rodada da competição.

O líder Barcelona enfrentará o Benidorm, às 16h30. No mesmo horário das partidas entre Huesca e Anaitasuna, e entre, Morrazo Cangas e Granollers.

Na sequência entrarão em quadra, Ademar León e Zamora, às 16h45.

Os jogos dessa rodada poderá definir o segundo colocado, já que Guadalajara, vice colocado, está a apenas 1 ponto a frente de Ademar Leon.

Györ vence o Bucuresti e vira líder da Chave 1 na Champions League

As atletas comemoram o resultado/ Foto: EHF

Na partida pela liderança do Grupo 1 da Champions League Feminina, ocorrida na segunda-feira, 26 de fevereiro, o Györ venceu o Bucuresti, por 28 a 24. O confronto foi disputado minuto a minuto, com os ataques avançando forte e com as defesas bem armadas. Não faltaram faltas e tiros de 7 metros, o encontro foi decidido nos detalhes, e encerrou as disputas da oitava rodada. A Champions retorna aos jogos na sexta-feira, dia 2 de março.

Após o fim do jogo, o técnico do Györ, Ambros Martin falou:

“A diferença de hoje é incrível do primeiro momento até o último. Eu acho que eles poderiam nos marcar em sete contra seis. Karry fez um trabalho fantástico. A defesa a ajudou muito, essa é a chave”.

A partida também foi marcada pelo retorno de Anja Althaus ao Györ, após um longo período tratando uma lesão.

“Eu trabalhei duro nos últimos meses, e claro, as vezes não era fácil, mas eu tinha essa meta de voltar a equipe e ajudar o time. Voltar a jogar foi uma sensação incrível e hoje (segunda-feira) pudemos mostrar que somos uma grande equipe”, comemorou a atleta.

Apesar de ter ficado com a liderança, o Györ está a apenas um ponto a frente do Bucuresti, e tudo poderá mudar a partir de sexta-feira, com as disputas da nona rodada.

Vadar e Bietigheim abriram a competição, às 15h.

No sábado, 3, serão três duelos. NFH Nyk encarará o Györ, às 9h30. Ferencavaros terá o confronto com Metz, às 11h30. Ljubljana e Rostov entrarão em quadra, às 15h30.

No domingo, dia 4, Thuringer e Buducnost farão a partida, às 10h. Bucuresti jogará com Midtjylland, às 10h45.

Classificação da 8º rodada

Mundial Escolar: Brasil disputa o bronze no feminino e o quinto lugar no masculino

O goleiro Maik,da Seleção Brasileira Principal, assistiu os jogos do Brasil no Mundial Escolar/ Foto: CBDE

A terça-feira, 27 de fevereiro, foi de disputas no Mundial de Handebol Escolar Doha 2018. As equipes brasileiras entraram em quadra e tiveram bons resultados. Os meninos do Caic Balduíno, que representam o Brasil, venceram a França e disputarão a quinta colocação do campeonato. As garotas do Colégio Amorim, que disputam em nome da Seleção Brasileira, perderam para a Alemanha e agora vão brigar pelo bronze.

No masculino, o Brasil encarou nessa madrugada os franceses, a partida foi bastante equilibrada, com as duas seleções atacando bem e com boas defesas. Os brasileiros conseguiram, principalmente na segunda etapa, segurar os ataques da França, reagiu as investidas e dessa forma se manteve a frente. Placar Final: BRA 24 x 19 FRA.

Mesmo com a vitória, o técnico Giuliano Ramos disse que é preciso colocar em prática tudo que já aprenderam e estar atento no jogo contra a Turquia, que será nessa quarta-feira, dia 28, às 3h*.

“Nós fizemos o que treinamos no Brasil. Aproveitamos com qualidade os ataques e convertemos em gol. A defesa trabalhou bem e o nosso time conseguiu segurar a França. Sem dúvidas vencê-los nos coloca em um patamar de destaque, sobretudo pela história que eles possuem no handebol. Mas amanhã temos a Turquia pela frente. Jogamos com eles, perdemos a chance de passarmos para as quartas em primeiro no grupo, mas agora a situação é outra e os meninos irão pra cima”.

Já no feminino, a Seleção Brasileira encarou na semifinal a Alemanha. O jogo foi bastante disputado, o Brasil tinha uma boa defesa que conseguia evitar muitos gols, o ataque também era bom, porém, bateu de frente com o forte bloqueio alemão, que impedia os avanças brasileiros. A Alemanha conseguiu abrir uma pequena vantagem e a manteve até o apito que findava o encontro. Placar Final: ALE 33 x 26 BRA.

Com a derrota, o Brasil irá disputar o bronze do Mundial contra a Dinamarca, nessa quarta, a partir das 4h45.

O resultado do confronto de hoje não desmotivou as meninas do Brasil. Ana Luiza, atleta da Seleção, garantiu que não faltará determinação no confronto pelo terceiro lugar:

“Iremos entrar em jogo focadas na busca pela 3ª colocação. O jogo contra a Alemanha foi equilibrado, tivemos algumas oportunidades de reverter o placar, mas não deu. De toda forma, a motivação agora é pela conquista do bronze, e nós iremos fazer de tudo em prol desse objetivo’, explicou.

Os jogos das Seleções Brasileiras serão transmitidos pela página da CBDE: facebook.com/cbdeorg

As semifinais do Mundial Escolar

Também foram realizados nessa terça-feira os jogos pelas semifinais do feminino e do masculino. Na segunda semifinal feminina, a Hungria venceu a Dinamarca, por 27 a 21.

Nas semifinais masculina, a Alemanha venceu a Polônia, por 35 a 30. Enquanto a Áustria venceu Israel, por 31 a 18.

A final feminina entre Alemanha e Dinamarca será, às 9h. No masculino o título será disputado entre Alemanha e Áustria, às 11h. Os jogos terão transmissão pela página da ISF: facebook.com/ISFWSC.Handball/

*Jogos no Horário de Brasília.

Drops handebol: veja os resultados da Liga Asobal e da EHF Cup

Nesse domingo, 25 de fevereiro, um drops handebol com as notícias atualizadas da Liga Asobal e da EHF Cup, ambas no masculino. Veja os resultados dos jogos disputados nesse final de semana.

EHF Cup

RK Nexe venceu e se garantiu em segundo na Chave C/ Foto: página da equipe

A EHF Cup teve oito jogos válidos pela terceira rodada. A maior parte dos confrontos realizou-se no sábado, dia 24. Fuchse Berlin venceu Anaitasuna, por 28 a 30. Magdeburg superou o Presov, por 19 a 29.

Chambery Savoie derrotou Azty-Pulawy, por 25 a 27. Göppingen bateu o Riihimäen Cocks, pelo placar de 20 a 31.

Bjerringbro/Silkeborg venceu o SKA Minsk, por 32 a 30. Nexe bateu o Koper, por 27 a 31.

Neste domingo, St. Raphael superou Lugi, por 28 a 30. Thun venceu o Granollers, por 26 a 23.

Liga Asobal

Guadalajara venceu e se mantem como vice na competição/ Foto: página da equipe

Na Liga Asobal, campeonato espanhol, cinco jogos realizados no sábado encerraram a 19ª rodada. Zamora venceu o Puente Genil, por 23 a 22. Atl. Valladolid bateu o Morrazo Cangas, por 21 a 30.

Benidorm derrotou o CD Bidasoa Irun, por 34 a 35. La Rioja superou o Cuenca, por 29 a 32. Guadalajara venceu o Huesca, pelo placar de 29 a 23.

Jogos importantes ocorreram na Champions League

Montpellier vai para o segundo jogo com vantagem/ Foto: EHF

Jogos importantes ocorreram na Champions League neste final de semana, 24 e 25 de fevereiro, tanto no masculino tanto no feminino. Entre os homens quatro times brigam para avançar na competição. Entre as mulheres o campeonato já está na segunda fase e vencer foi importante para quem quer disputar o título.

No masculino, pela 13ª rodada, o Barcelona venceu o Kristianstad, por 21 a 26. Vive Kielce superou o Kiel, por 29 a 30.

Meshkov Brest derrotou o PSG, por 29 a 28. Szeged bateu o PPD Zagreb, por 30 a 28. Celje venceu o Aalborg, por 32 a 28.

Flensburg-H e Veszprém empataram, em 31 a 31. Nantes venceu o Vadar, por 27 a 26. Rhein-Neckar superou o Wisla Plock, por 27 a 32.

Na definição pelas duas vagas na fase final, Motor venceu Skjern, por 32 a 30. Montpellier superou o Ademar León, por 24 a 28. As equipes voltarão a se enfrentar, no dia 4 de março.

Vadar segue na busca pela vaga na próxima fase/ Foto: EHF

No feminino, os jogos disputados foram válidos pela oitava rodada da segunda fase. Ferencvaros venceu o Buducnost, por 23 a 24. Rostov derrotou o NFH Nyk, por 32 a 22.

Metz superou o Vadar, por 24 a 22. Midtjylland e Lujubljana empataram, em 24 a 24. Thuringer bateu o Bietigheim, por 21 a 34.

A rodada ainda não se encerrou. Nessa segunda-feira, dia 26, Győr e CSM Bucuresti se enfrentarão, às 15h.

Irã é campeão da Ásia Ocidental de Handebol Feminino!

Irã estreia com ouro no continental/ Foto: AHF

A seleção do Irã conquistou o título do Campeonato Ásia Ocidental de Handebol Feminino! As iranianas estrearam na competição, que nesse ano teve a sua segunda edição disputada da Jordânia, de 15 a 21 de fevereiro. A prata foi conquistada pela equipe dona da casa, a seleção jordaniana, e o bronze ficou com a Síria.

O Irã conquistou o título invicto, com cinco vitórias nos cinco jogos que disputou, totalizando 10 pontos. A equipe nacional foi a que mais marcou e a menos vazada, fez 161 gols e levou apenas 66.

A Jordânia ficou em segundo no quadro geral, com quatro vitórias e uma derrota, fechando a competição com oito pontos. Já a estreante Síria ficou em terceiro, com três vitórias e duas derrotas, totalizando seis pontos.

O Campeonato Ásia Ocidental de Handebol Feminino foi disputado por pontos corridos, cada vitória equivalia dois pontos. Ao todo realizou-se 15 partidas e mais de 705 gols foram marcados, durante os sete dias de confrontos. A primeira edição do Ásia Ocidental aconteceu em 2017, no Qatar, e visa desenvolver o handebol nessa parte do continente asiático. Naquele ano o campeão foi a seleção qatariana.

A classificação geral do Campeonato Ásia Ocidental Jordânia 2018 foi a seguinte:

1º Irã
2º Jordanânia
3º Síria

4º Qatar
5º Líbano
6º Iraque

Confira abaixo os resultados dos jogos que foram disputados:

Quinta-feira – 15 de fevereiro

IRQ 8 x 43 IRI
JOR 34 x 23 LBN
QAT 24 x 27 SIR

Sexta-feira – 16 de fevereiro

IRI 29 x 19 LBN
SIR 19 x 27 JOR
QAT 33 x 4 IRQ

Domingo – 18 de fevereiro

SIR 16 x 18 LBN
IRQ 14 x 29 JOR
IRI 38 x 16 QAT

Segunda-feira – 19 de fevereiro

IRQ 16 x 33 SIR
LBN 30 x 30 QAT
JOR 15 x 28 IRI

Quarta-feira – 21 de fevereiro

IRI 23 x 8 SYR
LBN 25 x 18 IRQ
JOR 32 x 17 QAT