0

Maringá é campeão do Brasileiro cadeira de rodas

Maringá levantou a taça de campeão. Foto: Marli Gonçalves Costa

No último domingo, 2 de dezembro, aconteceu a final do Campeonato Brasileiro de Handebol de Cadeira de Rodas. Maringá, Chapecó e Marechal Rondon foram os medalhistas, ouro, prata e bronze, retrospectivamente.

O título foi disputado entre Maringá e Chapecó, vitória da equipe maringaense, por 2 sets a 1.

O bronze foi conquistado pelo Marecham Rondon que venceu o Toledo, também por 2 a 1.

A competição foi disputada no Ginásio de Esportes Alcides Pan, em Toledo (PR), do dia 30 de novembro a 2 de dezembro.

Anúncios
0

Alemanha e Noruega vencem na abertura da segunda fase do Grupo 2

Hungria e Noruega fizeram um dos confrontos./ Foto: Jozo Cabraja/kolektiff

Alemanha e Noruega venceram na abertura da segunda fase do Grupo 2 da EHF Euro França 2018 na tarde dessa sexta-feira, 7 de dezembro. No sábado, 8, o campeonato seguirá com quatro jogos na Chave 1.

Espanha x Alemanha

Espanha e Alemanha abriram a rodada. Os ataques eram rápidos, mas as defesas não, as espanholas eram um pouco mais lentas no retorno, o que facilitava os contra-ataques das alemãs, que aproveitavam para ampliar o número de gols e abrindo uma significativa vantagem de 8 gols (9-17). No segundo tempo a Espanha mudou de atitude em quadra, pressionou e foi para cima, equilibrando o confronto. A Alemanha sentiu a pressão, marcou menos gols, mas conseguiu manter a vantagem e garantiu a vantagem. Placar Final: ESP 23 x 29 ALE.

Hungria x Noruega

Hungria e Noruega entraram em quadra na sequencia. Foi uma partida muito disputada, com ambas atando e defendendo bem. Mesmo com o equilíbrio, as norueguesas se saíram melhor em quadra, abriram vantagem de sete gols (12-19). No segundo tempo, a Noruega se saiu melhor, conseguiu encaixar as jogadas e a defesa, mantendo e aumentando a vantagem. Placar Final: HUN 25 x 38 NOR.

Sábado de partidas

No sábado serão quatro jogos, válidos pelo Grupo 1 e 2.

Hungria e Alemanha se encararão, às 12h. No mesmo horário, será a partida entre Suécia e França.

Às 15h dois confrontos. Holanda enfrentará Romênia. Sérvia duelará com a Rússia.

0

13ª rodada da Liga Asobal encerra as disputas

Morrazo Cangas e Granollers empataram./ Foto: BM Granollers

A 13ª rodada da Liga Asobal encerrou as disputas nessa quinta-feira, 6 de dezembro. Os jogos dessa etapa começaram na quarta-feira, dia 4. A próxima rodada começará no sábado, 8.

Nessa quinta, Atlético Valladolid venceu o Puente Genil, por 29 a 27. BM Sinfin e Anaitasuna empataram em 26 a 26.

Huesca derrotou o Cuenca, por 26 a 32. Guadalajara venceu La Rioja, por 28 a 27.

CD Bidasoa Irun bateu o Alcobendas, por 29 a 19. Morrazo Cangas e Granollers empataram em 26 a 26.

Na quarta-feira, Barcelona goleou o Teucro, placar de 41 a 26. Ademar León venceu o Benidorm, por 23 a 29.

As equipes que disputam o espanhol não terão muito tempo para descansar, já que no sábado começaram as disputas da 14ª rodada. Anaitasuna encarará Guadalajara, às 16h. No mesmo horário será a partida entre CD Bidasoa Irun e La Rioja.

Logo em seguida, às 16h30, Ademar León e BM Sinfin entrarão em quadra.

Teucro e Morrazo Cangas se enfrentarão, às 17h30. Huesca e Atlético Valladolid farão a disputa, às 18h.

No domingo, dia 9, dois jogos abrirão a competição, às 9h. Alcobendas enfrentará o Cuenca. Puente Genil fará a disputa com o Barcelona.

Granollers e Benidorm encerram a rodada, às 9h30.

0

Santo André encerra atividades do time Adulto Feminino

As atletas do Santo André na temporada 2018. Foto: página do clube

Essa quinta-feira, 6 de dezembro, não começou com uma boa notícia para o handebol nacional. Santo André anunciou aos atletas que encerrará as atividades da equipe Adulta feminina.

No perfil no Facebook, Flávia Vidal, relatou:

“Não sei nem por onde começar e nem o que falar na realidade, só tenho em mim tristeza e indignação por um fim de uma vida, porque eu tive em Santo André durante esses mais de 11 anos foi uma vida cheia de sonhos e que agora se encerram. HOJE RECEBEMOS A NOTÍCIA DO FIM DA EQUIPE ADULTA DE SANTO ANDRÉ. Fica aqui meu sentimento de frustração pois mais uma equipe de handebol fecha suas portas! Triste”.

Na página da equipe, o anuncio foi realizado e a informação consta que o encerramento do time se dará pelo corte de despesas e a decisão foi dada peça direção da Secretaria de Esportes de Santo André.

0

Quinta-feira de início de segunda fase de EHF Euro

Amandine Leynaud foi um dos destaques da França na vitória dessa quinta. Foto: Jure Erzen /kolektiff

Nesta quinta-feira, 6 de dezembro, se iniciou a segunda fase da EHF Euro França 2018. As duas partidas que abriram a nova etapa do campeonato feminino foi no Grupo 1. A Chave 2 já está formada e as disputas começaram nessa sexta-feira, dia 7.

Dinamarca x França

Dinamarca e França abriram a nova etapa. A partida foi bastante disputada, as equipes jogavam similares taticamente, mas as donas da casa conseguiram abrir uma pequena vantagem (11-17). Na segunda etapa, a competição seguiu tão intensa quanto inicialmente e as seleções jogaram de igual para igual. Mesmo assim, as francesas conseguiram manter a diferença. Placar Final: DIN 23 x 29 FRA.

Suécia x Montenegro

Suécia e Montenegro fizeram um combate bastante intenso, com as seleções atacando forte, porém, a seleção montenegrina conseguiu contra-atacar e se defender, abrindo com dificuldade, quatro gols de vantagem no primeiro tempo (14-18). No segundo tempo, o confronto passou a ficar mais equilibrado, com ambas equipes atacando bem, mas com defesas ágeis, que se fechavam com facilidade. As suecas conseguiram chegar perto do empate, diminuindo a diferença para menos dois, mas o insuficiente para empatar. Placar Final: SUE 28 x 30 MON.

Romênia, Holanda, Hungria, Alemanha, Espanha e Noruega compõe o Grupo 2

Romênia, Holanda, Hungria, Alemanha, Espanha e Noruega são as seleções que compõe o Grupo 2. As equipes que classificadas garantiram as vagas destinadas as Chaves C e D. Antes de começarem a disputar a próxima fase, as seleções fecharam a primeira etapa na quarta-feira, 5.

Hungria venceu Espanha, por 32 a 26. A Romênia derrotou a Noruega, por 23 a 31.

Alemanha superou a República Tcheca, por 30 a 28. Holanda venceu a Croácia, por 34 a 23.

Próximos jogos

Nessa sexta-feira, dia 7, será a vez do Grupo 2 estrear na segunda fase.

Espanha e Alemanha se enfrentarão, às 15h. Hungria e Noruega jogarão, às 18h.

0

Carajás e Paysandu são campeões do Paraense

Carajás, no masculino, e Paysandu, no feminino, são os campeões do Adulto, no Campeonato Paraense de Handebol 2018! As finais aconteceram no último domingo, 2 de dezembro.

Entre as mulheres a taça de campeão foi disputada entre Paysandu e RHC/Rondon. O confronto teve a bola disputada segundo a segundo, com as equipes se alternado a frente no marcador e com empate em muitos momentos. O Papão fez, nos minutos finais, o gol da vitória e uma defesa importante que manteve o clube a frente até o apito final, placar de 25 a 24.

O Carajás conquistou o bicampeonato ao disputar o título com o Tupã. A Fera do Norte, como é conhecido o Carajás, conseguiu na primeira etapa abrir vantagem e a manteve ao longo da segunda etapa, conquistando assim, a vitória, placar de 31 a 22. Ao fim do jogo, Roger Moura, presidente do Carajás, declarou:

“A nossa felicidade é dupla. Primeiro por termos sediado este grandioso evento aqui na cidade de Parauapebas e segundo por termos alcançado nosso objetivo como time que era vencer e sermos bicampeões Paraense”.

Além de Carajás e Paysandu, no Adulto, foram campeões:

Juvenil Feminino – AABB

Juvenil Masculino – Salinas.

0

Sérvia, Suécia, Dinamarca, Rússia, França e Montenegro estão na próxima fase da Euro

Sérvia garantiu a classificação./ Foto: © Anze Malovrh / kolektiff

Sérvia Suécia e Dinamarca, no Grupo A, Rússia, França e Montenegro, na Chave B, estão classificadas para a segunda fase da EHF Euro França 2018. Nessa terça-feira, 4 de dezembro, aconteceram os últimos jogos da fase 1 nessas chaves. As equipes nacionais irão compor o Grupo 1 que a partir de quinta-feira, 6, disputaram a segunda fase em Nantes. As seleções dos Grupos C e D se enfrentarão amanhã pela última rodada da fase preliminar.

A Eslovênia venceu a Rússia, por 27 a 29 (13-13), mesmo assim não conseguiu a classificação.

A Suécia eliminou a Polônia, pelo placar de 23 a 22 (10-5).

A Sérvia derrotou a Dinamarca, por 25 a 30 (13-17). Ambas seleções avançaram, a seleção sérvia em primeiro do grupo A, a seleção dinamarquesa em terceiro.

A França venceu Montenegro, por 25 a 20 (16-8). As duas equipes foram para a próxima fase, as russas em primeiro do B, e as montenegrinas em terceiro.

Jogos do Grupo 1 – Nantes

Nantes receberá as partidas do Grupo 1, na segunda fase da EHF Euro. Confira os jogos

Quinta-feira – 6 de dezembro

15h: Dinamarca x França
18h: Suécia x Montenegro

Sábado – 8 de dezembro

12h: Suécia x França
15h: Sérvia x Rússia

Segunda-feira – 10 de dezembro

15h: Dinamarca x Rússia
18h: Sérvia x Montenegro

Quarta-feira – 12 de dezembro

12h45: Dinamarca x Montenegro
15h: Suécia x Rússia
18h: Sérvia x França

Jogos das Chaves C e D

Nessa quarta-feira, dia 5, a primeira fase se encerrará nas Chaves C e D. Ao todo quatro partidas.

Pelo C, Holanda e Croácia se encararão, às 15h. Hungria e Espanha farão o jogo, às 18h.

No Grupo D, às 15h, Alemanha e República Tcheca se enfrentarão. Noruega e Romênia entrarão em quadra, às 18h.

*Jogos no Horário Brasileiro de Verão.

0

Brasil é campeão do Centro/Sul Americano!

Seleção Brasileira conquista a taça e a vaga para o Mundial./ Foto: reprodução

A Seleção Brasileira é campeã do Campeonato Centro/Sul Americano de Handebol Feminino! A última partida do torneio aconteceu na noite desta terça-feira, 4 de dezembro, e foi um clássico der tirar o folego dos torcedores presentes no Sesi Trapiche, em Maceió (AL). Brasil, Argentina e Paraguai ficaram com as medalhas da primeira edição do continental.

Brasil entrou em quadra com a camiseta amarela, Argentina com a tradicional azul. O confronto começou intenso, com as brasileiras no ataque e a defesa da goleira Marisol, da seleção argentina. Mas o Brasil pressionava e antes do relógio marcar 2′, na troca de passes e com o arremesso de Duda Amorim, próxima a linha dos 9 metros, a Seleção abriu o placar (1-0). Babi defendeu na jogada seguinte e o Brasil marcou o segundo gol no minuto sequencial. As argentinas demoraram para entrar no ritmo de partida, tanto que aos 5′, as brasileiras abriram três gols de vantagem (3-0), e logo depois quatro (4-0). O primeiro gol da Argentina só saiu aos 6′, com o tiro de sete metros bem convertido (4-1). As defesas da goleira brasileira desestabilizou o ataque da Argentina, que perdia muitos gols em arremessos para fora e bolas na trave. O ataque brasileiro estava bem, trabalhava os passes, encontrava espaços na defesa argentina, que apesar de compacta, por vezes, abria espaços quando fazia a marcação um a um. O Brasil buscava sempre que podia os contra-ataques, toda via no lado azul, a goleira Marisol estava disposta a não levar muitos gols. A Seleção Brasileira era superior, não apenas em quadra, mas também no marcador, tanto que aos 15′, a vantagem era de oito gols (10-2). A partir dos 20′, o Brasil caiu de rendimento, perdia a bola em passes errados. A Argentina percebeu e aproveitou para atacar. Mesmo assim, o Brasil conseguiu se manter a frente e ir ao intervalo com cinco bolas a frente. Placar Parcial: BRA 15 x 10 ARG.

A segunda etapa começou com o Brasil novamente dominando o confronto, tanto que em menos de três minutos marcou três gols (18-10). Contudo, as argentinas não precisaram de muito tempo para mostrar reação, e aos 4′ voltou a marcar. O confronto foi ainda mais intenso, com as duas seleções jogando de igual para igual. O Brasil marcava, mas a goleira Marisol também defendia. Os gols da Seleção Brasileira não saiam mais com tanta facilidade, a defesa argentina estava ágil. A Seleção, mesmo com mais dificuldade, conseguia se manter a frente no marcador, tanto que aos 15′ vantagem era de sete gols (20-13). A goleira canarinho fazia boas defesas, levava poucos gols. Porém, próximo dos 20′, o Brasil passou a errar no ataque, perdeu alguns passes que propiciaram contra-ataques e gols da Argentina, e aos 24′, a seleção “La Garra” conseguiu diminuir a diferença para apenas cinco gols (23-19). A pressão sobre as brasileiras aumentou, as argentinas ameaçavam o empate o tempo tempo. Faltava menos de um minuto e meio para o fim da partida, quando o houve tempo técnico. A Seleção Brasileira segurou o jogo, fez um gol, e se manteve a frente com bons bloqueios e boas ações da defesa. Entretanto, nenhum outro gol foi marcado. Placar Final: BRA 24 x 19 ARG.

Uruguai vence, Paraguai fica com o bronze

Por serem finalistas, Brasil e Argentina conquistaram as vagas para o Mundial do Japão, em 2019.

Na primeira partida do dia, o Uruguai conquistou a primeira vitória ao superar o Paraguai, por 28 a 27. Mesmo com a derrota, a seleção paraguaia se manteve na terceira colocação na classificação geral e conquistou o bronze da competição.