0

Argentina é campeã do Pan-Americano #Nuuk2018

Argentina conquista o Pan pela sétima vez. / Foto: reprodução

A seleção da Argentina conquistou na tarde desse domingo, 24 de junho, o título do Pan-Americano de Nuuk ao vencer o Brasil na final, 29 a 24. Com esse resultado, os argentinos se tornaram heptacampeões do continental. O bronze e a última vaga para o Mundial ficou com os chilenos.

A partida começou disputada, com o Brasil no ataque, com o arremesso desperdiçado e na sequencia defesa do goleiro Leonardo. Os primeiros minutos foram de bola disputada, trocas de passes interceptados. O goleiro argentino Leonel defendeu. Leonardo goleiro brasileiro defendeu um tiro de 7 metros e no rebote com o pé empurrou a bola para fora. O marcador estava próximo dos 3′ quando Zé Toledo marcou para o Brasil e abriu o placar. Mas não demorou para Federico Pizarro empatar (1-1) e Pablo Simonet desempatou o confronto a favor da Argentina (2-1).

O primeiro tempo foi com as equipes bem colocadas em quadras, as defesas se fechavam, contra-atacavam. Os ataques eram rápidos e quase sempre decisivos, os goleiros estavam bem, muitas faltas aconteceram. Era um embate equilibrado, com placar se alternando entre o empate e Brasil ou Argentina a frente, com no máximo um gol de vantagem. Aos 13′ estava tudo igual (6-6), porém os argentinos conseguiram encaixar as jogadas, encontraram espaço na defesa brasileira e abriam pela primeira vez a vantagem de dois gols (8-6). Os brasileiros passaram a errar passes e não conseguia mais se fechar no retorno. Mesmo assim, conseguiram defender os ataques. As duas defesas estavam bem e por isso foram poucos gols. Placar Parcial: ARG 13 x 8 BRA.

A etapa complementar começou ainda mais intensa, com as duas equipes nacionais buscando o gol e disputando a bola segundo a segundo. No entanto, novamente, a seleção argentina conseguiu colocar ritmo em quadra e enredar a seleção brasileira, que demorava a marcar gols, mesmo defendendo bem e interceptando os ataques dos argentinos. Os contra-ataques não eram rápidos o suficiente. Estava visível que a ansiedade de encostar no marcador, que aos 17′ dava a Argentina 9 gols de vantagem (23-14), e o cansaço estavam a atrapalhar o Brasil.

A Seleção Brasileira, no entanto, a partir dos 20′ mostrou reação, nessa etapa o arco brasileiro era de Bombom, que fez boas e importantes defesas. A Seleção voltou a encontrar o gol e balançar as redes. Diminuiu a vantagem de nove para cinco (19-23). Mesmo assim, não houve tempo suficiente para virar o confronto. Vitória dos argentinos. Placar Final: ARG 29 x 24 BRA.

O bronze ficou com o Chile que venceu a Groenlândia na prorrogação, placar de 39 a 36.

Anúncios
0

Brasil e Argentina fazem mais uma final de Pan-Americano

Apesar do placar elástico, a os groenlandeses deram trabalho aos argentinos./ Foto: Santiago Russo – CAH

Brasil e Argentina fazem mais uma final de Pan-Americano de Handebol Masculina. Nessa edição de Nuuk as seleções decidirão o título pela oitava vez. Além de irem para a final, os brasileiros e argentinos garantiram vagas para o Mundial Alemanha e Dinamarca, que será em janeiro de 2019. A última vaga será decidida entre Groenlândia e Chile, que jogarão pelo bronze. As equipes nacionais se enfrentarão pelas medalhas nesse domingo, 24 de junho.

Nas semifinais, a Seleção Brasileira venceu o Chile, por 24 a 32 (leia a cronica aqui). Já a seleção da Argentina goleou a Groenlândia, por 17 a 39.

Nas demais partidas desse sábado, 23, o Uruguai derrotou a Guatemala, por 15 a 36. A seleção do Canadá superou Porto Rico, por 26 a 30. A Colômbia bateu o Peru, por 26 a 33, com esse resultado os colombianos conquistaram a nona colocação.

Nesse domingo, os uruguaios e canadenses disputarão, às 11h, pelo quinto lugar. Mais cedo, às 9h, os guatemalenses e canadenses se enfrentarão pela sétima colocação.

O bronze será disputado por Chile e Groenlândia, às 13h. A disputa pelo ouro entre Brasil e Argentina será, às 15h.

1

Brasil se classifica para a final do Pan-Americano #Nuuk2018

Seleção Brasileira está garantida no Mundial de 2019. / Foto: reprodução

A Seleção Brasileira se classificou para a final do Pan-Americano #Nuuk2018 em um confronto intenso no final da tarde desse sábado, 23 de junho. O Brasil encarou o Chile em um jogo de ginásio lotado e decidido pelos detalhes, por 32 a 24.

O primeiro tempo começou com o ataque brasileiro, um gol perdido, mas tudo rapidamente resolvido. Em menos de um minuto o marcador já registrava 1 a 1, com o primeiro marcado por Fábio Chiuffa, para o Brasil, seguido do gol de Mool, para o Chile. Durante os sete minutos iniciais a Seleção Brasileira dominou o confronto, estava com a defesa encaixada e com rápida recomposição, o ataque veloz que abriu dois gols de vantagem (5-3). Porém os chilenos reagiram e foram para cima, atacavam velozmente e sempre em busca de abrir espaços na barreira brasileira. A defesa era fechada, rápida nos contra-ataques, mas era faltosa. Os brasileiros sentiram a pressão, passaram a erras passes mais longos e até perderam tiros de 7 metros. Mesmo assim, se mantiveram a frente no marcador. O relógio já havia passado dos 20′ quando os chilenos voltaram a empatar o confronto (8-8) e aos 23′ viraram o placar (9-10).

Foram poucos gols ao longo do tempo, muito em virtude das boas atuações dos goleiros brasileiro e chileno. Em pausa técnica, solicitada pelo treinador do Brasil, Nunes passou instruções aos atletas e lhes pediu para trabalhar a bola, ter calma nas trocas de passes e não queimar a bola, não rifá-la. A conversa deu certo. Os brasileiros voltaram a balançar as redes, principalmente usando os contra-ataques, empataram e já no último minuto fizeram dois gols e viraram o confronto. Placar Parcial: BRA 14 x 11 CHI.

O segundo tempo começou ainda mais quente, com a seleção chilena atacando forte e buscando o gol e o empate. No entanto, a Seleção Brasileira não sentiu mais a pressão e com mais tranquilidade conseguia interceptar mais passes do Chile, melhorou no ataque e fechou a defesa. Os chilenos marcavam gols, mas os brasileiros também, ficando a Seleção a frente.

Nos primeiros 10 minutos a partida estava equilibrada em quadra, todavia não no marcador. O Brasil seguia a frente, não dava muito espaço para o ataque chileno e assim se mantinha com vantagem (19-13), mas a defesa chilena também não dava vida fácil para o ataque brasileiro. Mesmo assim, Garralda, treinador do Chile, pediu tempo técnico e aos seus jogadores pediu atenção. O papo deu certo. O ataque dos chilenos voltou a encontrar espaços na defesa brasileira e marcou mais gols. A Seleção Brasileira se fechou, mas contra-atacou e atacou. Com gols de Zé Toledo, Acácio, Rogério, Bombom, dentre outros, os brasileiros conseguiram, mesmo com a alta pressão, aumentar a diferença e assim, fechar o jogo com a vitória e a vaga na final. Placar Final: BRA 32 x 24 CHI.

Agora a Seleção Brasileira espera o rival da final, que será decidido entre Groenlândia e Argentina. Além da vaga na final, o Brasil, por ser finalista, garante vaga no Mundial da Alemanha e da Dinamarca, em janeiro de 2019.

0

Na próxima sexta-feira será o sorteio da fase de Grupos na EHF Champions League

Sorteio será transmitido pelo canal da EHF/ Foto: divulgação

Na próxima sexta-feira, 29 de junho, será realizado em Viena (AUS) o sorteio dos grupos na EHF Champions League, no masculino. Ao todo, 28 times disputarão a primeira fase do continental.

Para definir as Chaves A e B serão oito potes com duas equipes cada. Cinco desses potes estarão abertos, visto que nenhum time poderá enfrentar outro do seu país, com exceção do Nantes que enfrentará um dos rivais franceses na fase de grupos.

Para definir as Chaves C e D serão seis potes e no sorteio todos fechados, já que os doze clubes que irão compor esses grupos são de países diferentes.

A expectativa é que a fase de grupos comece entre os dias 12 a 16 de setembro, já a última rodada está prevista para ser entre os dias 27 de fevereiro a 3 de março.

O sorteio será, às 7h30*, e terá transmissão pelo canal da EHF.

Este slideshow necessita de JavaScript.

*Horário Oficial de Brasília.

0

Guarulhos e Hebraica empatam no Super Paulistão. A rodada segue no final de semana

Guarulhos empatou com a Hebraica nessa quinta-feira./ Foto: FPHb

O Super Paulistão segue com jogos nesse final de semana, 22 e 23 de junho em boa parte das categorias. Confira nesse post os próximos confrontos e também os resultados das partidas que ocorreram no meio da semana.

Adulto

No Adulto Masculino, nessa quinta-feira, 21, Hebraica e Guarulhos empataram em 28 a 28.

Nesse naipe, no sábado, Taubaté e Pinheiros se encararão, às 18h, no Ginásio Emecal. Na sequencia, às 18h30, Franca e São Caetano se enfrentarão, no Ginásio Amauri Destro. No domingo, São Bernardo e São Carlos duelarão, às 15h, no Ginásio Baetão.

No Feminino, na quarta-feira, 20, Pinheiros superou Time Jundiaí, por 30 a 19.

A rodada segue no sábado. Sorocaba e Guarulhos farão o confronto, às 17h30, no Ginásio de Esportes Éden. Logo depois, a partir das 18h, Santo André e Franca duelarão, no Poliesportivo Camilópolis.

Júnior

Pelo Júnior não haverá partidas nesse final de semana. Nos confrontos realizados na quarta-feira, entre as garotas, Santos venceu Guarulhos, por 33 a 26. Entre os garotos, Pinheiros superou Cerquilho, por 22 a 41.

Juvenil

No Juvenil Masculino, na partida dessa sexta-feira, 22, Salto venceu o Guarulhos, por 30 a 31.

No sábado serão três jogos. Sorocaba e Pinheiros se enfrentarão, às 11h30, no Ginásio de Sorocaba. Rio Claro vai receber, no seu ginásio, a Hebraica, às 12h. Franca e São José se encararão, às 16h30, no Ginásio Amauri Destro.

No Juvenil Feminino, na quarta-feira, Pinheiros venceu o São Bernardo, por 31 a 24.

No sábado, Santos e São José se enfrentarão, às 12h, na Arena Santos. Time Jundiaí e Mesc duelarão, às 14h, no Anexo Bolão. ATC e São Carlos farão a partida, às 19h, no Alphaville Tênis Clube.

Cadete

No Cadete Feminino, na quarta-feira, Pinheiros venceu o Taubaté, por 31 a 18. Na quinta-feira, Time Jundiaí venceu Centro Olímpico, por 23 a 25. Corinthians venceu Mesc, por 18 a 19.

No domingo, Taubaté encarará São Paulo, às 13h30, no Ginásio Emecal.

No Masculino, São José e Hebraica farão a partida, às 11h, no Ginásio de São José dos Campos. Na sequencia, às 11h30, Guarulhos e Pinheiros se enfrentarão, às 11h30, no Céu Cumbica. Taubaté e CPH fecham a rodada, às 15h, no Ginásio Emecal.

Infantil

No Infantil Masculino, na quarta-feira, São Bernardo venceu Corinthians, por 24 a 27. CPH venceu o São Caetano, por 21 a 22. Na quinta-feira, Pinheiros superou o Guarulhos, por 20 a 29.

No domingo, Guarulhos e Barueri farão o jogo, às 13h30, no Céu Cumbica.

Pelo Feminino, na quarta-feira, São Bernardo venceu o Pinheiros, por 16 a 22. Na quinta-feira, Corinthians superou Mesc, por 21 a 16.

Nessa sexta-feira teve confronto! Centro Olímpico venceu Mesc, por 16 a 21. No sábado, Santos e Corinthians se encararão, às 10h30, na Arena Santos.

0

Brasil, Groenlândia, Argentina e Chile são semifinalistas do Pan de Nuuk

A Seleção Brasileira disputará a segunda semifinal de um campeonato nesse mês./ Foto: GHF

Brasil e Groenlândia pelo Grupo 2, Argentina e Chile pelo Grupo 1, são semifinalistas do Pan-Americano de Handebol Nuuk 2018. As equipes confirmaram as posições dentro de suas chaves nessa quinta-feira, 21 de junho, com o fim dos jogos da quinta e última rodada da fase de grupos. As seleções se enfrentarão no mata-mata no próximo sábado, dia 23.

Colômbia e Paraguai

A Colômbia encarou o Paraguai na manhã dessa quinta-feira. O confronto foi bastante equilibrado, com bons lances e boas defesas dos dois lados. O jogo em que a bola era disputada minuto a minuto foi a que abriu o dia de Pan. As seleções colombianas e paraguaias tinham bons ataques e defesas bem armadas, que tinham rápida recomposição. A diferença que separava as equipes no marcador era pequena e descobrir quem seria o vitorioso era complicado. O embate foi decidido nos detalhes e nos contra-ataques, quando os colombianos conseguiram se manter a frente com apenas dois gols. Placar Final: COL 24 x 22 PAR.

Guatemala e Peru

Guatemala e Peru entraram em quadra no final da manhã. O confronto também foi bastante disputado, com ambas seleções atacando forte, fazendo bons passes de bola e com defesas ágeis. No entanto, os peruanos conseguiram encaixar melhor as ações em quadra e abriu cinco gols de vantagem, mantendo-se a frente e assim garantindo a vitória. Placar Final: GUA 31 x 26 PER.

Brasil x Uruguai

Brasil e Uruguai abriram a rodada na parte da tarde. A Seleção Brasileira não teve dificuldades de dominar o confronto desde o primeiro segundo, e, ainda na primeira etapa abriu 10 gols de vantagem. No segundo tempo, os brasileiros se mantiveram a frente, mesmo com a reação uruguaia. Placar Final: BRA 35 x 21 URU (Leia a crônica do jogo aqui).

Chile x Argentina

O embate entre Chile e Argentina valia a liderança do Grupo 1. Foi um confronto brigado segundo a segundo, com boas ações. Os contra-ataques também foram bastante usados pelas duas seleções, mas foi a defesa o grande destaque. Foram poucos os gols para ambos lados, isso porque, as defesas se fechavam com rapidez, e por isso, os contra-ataques foram essenciais, principalmente para o lado argentino, que conseguiu abrir cinco gols de diferença e sair com a vitória. Placar Final: CHI 18 x 24 ARG.

Groenlândia e Canadá

Groenlândia e Canadá encerraram a última rodada da fase de grupos. A partida foi bastante disputada, com boas ações de ataque de ambas seleções. No entanto, foram os groenlandeses que impuseram ritmo em quadra, não apenas atacando e defendendo, mas contra-atacando bem, não deixando espaços ou dando algum momento de folego para os canadenses, que em muitas vezes, tentava se defender sem sucesso. Ao fim do segundo tempo, a seleção dona da casa já havia aberto 12 gols de vantagem. Placar Final: GRO 32 x 20 CAN.

Classificação

Com o fim das partidas dessa quinta-feira foram definidos a classificação final das chaves.

Grupo 1

1- Argentina
2- Chile
3- Porto Rico
4- Guatemala
5- Peru

Assim, as seleções argentina e chilena estão classificados para as semifinais. Os porto-riquenhos e os guatemalenses disputaram as posições de quinto a oitavos no quadro geral. Peru jogará pela nona colocação.

Grupo 2

1- Brasil
2- Groenlândia
3- Uruguai
4- Canadá
5- Colômbia
6- Paraguai

Dessa forma, as seleções brasileira e groenslandesa avançaram para as semifinais. Uruguaios e canadenses farão confrontos pelos lugares de de quinto a oitavos no quadro geral. Os colombianos disputaram o nono lugar. Paraguai ficou em 11º lugar.

Sábado de decisões

O sábado será marcado por jogos decisivos.

Peru e Colômbia se enfrentaram pela nona colocação, às 11h.

Pelas posições de quinto a oitavo dois jogos. Porto Rico e Canadá farão o confrontos, às 13h. Guatemala e Uruguai duelarão, às 15h.

A semifinal 1 será entre Brasil e Chile, às 17h. A semifinal 2 entre Argentina e Groenlândia será, às 19h**.

Domingo: o tudo ou nada!

No domingo, dia 24, é o tudo ou nada.

Os perdedores dos jogos entre Porto Rico e Canada, e entre, Guatemala e Uruguai, disputaram o sétimo lugar, às 9h. Já os vencedores dos mesmos confrontos (de sábado) se enfrentarão, às 11h, pela quinta colocação.

O bronze será disputado, às 13h. Já a grande final será, às 15h.

*Tabela de partidas liberada pela Federação de Handebol da Groenlândia (GHF). Todos os jogos estão com o Horário Oficial de Brasília.

*Atualizado em 22 de junho, 22h.

0

Lhesp passará por três cidades nesse final de semana

Os jogos serão do Adulto ao Mirim. / Foto: Lhesp

A Liga de Handebol do Estado de São Paulo (Lhesp) passará por três cidades nesse final de semana, 23 e 24 de junho. No sábado, a competição terá como sede de suas partidas Bauru e Piracicaba. No domingo será a vez de Mogi Guaçú receber os confrontos.

Bauru

Em Bauru serão cinco jogos no Ginásio das Faculdades Integradas. Esses confrontos serão no Adulto, no Sub-21 e no Juvenil.

No Adulto Feminino, Bauru encarará o Handebol Votorantim, às 10h15. A tarde, o Bauru jogará com Handebol Tietê, às 14h. No masculino, Bauru enfrentará o Tietê, às 12h45.

No Sub-21, Bauru fará o confronto com Hortolândia, às 15h15. No Juvenil Feminino, Botucatu e Hortolândia se enfrentarão, às 11h30.

Piracicaba

Em Piracicaba serão oito partidas, todas na base, a sede será o Ginásio Prezotto.

No Juvenil Masculino, PDB/SELAM encarará o Vinhedo/Apahand, às 9h30. A tarde, às 11h45, o PDB/SELAM duelará com Atibaiense.

No Cadete Feminino a disputa será entre 15 de Piracicaba, às 14h30. No Masculino o confronto será entre PDB/SELAM e Valinhos, às 18h315.

No Infantil Feminino, 15 de Piracicaba encarará o Atibaiense, às 12h. Na sequencia será a partida entre PDB/SELAM e Atibaiense, no Masculino, às 13h15.

Pelo Mirim Masculino, PDB/SELAM e Vinhedo/Apahand farão o confronto, às 10h45. No Feminino, o embate será entre PDB/SELAM e Valinhos, às 17h.

Mogi Guaçú

Mogi Guaçú receberá oito partidas no Centro Esportivo e Recreativo Pres. Juscelino K. de Oliveira (CERESC).

No Adulto Masculino, São João da Boa Vista e Vinhedo farão as disputas, às 10h15. A posteriori, Mogi Guaçú encarará o Itapira HC, às 14h.

No Sub-21 Masculino, Mogi Guaçú fará o jogo com PDB/SELAM, às 12h45.

No Cadete Feminino, Mogi Guaçú e Limeira abriram o dia de confrontos, às 9h. No Masculino, Mogi Guaçú encarará Valinhos, às 16h30.

Pelo Infantil Masculino, Mogi Guaçú fará o confronto com Valinhos, às 15h15. No Feminino, Mogi Guaçú também enfrentará o Valinhos, às 17h45.

No Mirim Masculino, Mogi Guaçu e PDB/SELAM farão a partida, a partir das 11h30.

1

Brasil vence e se classifica para semifinais invicto!

Brasil vence o quinto jogo. / Foto: reprodução

A Seleção Brasileira encerrou a fase de grupos do Pan-Americano com 100% de aproveitamento. Nessa tarde de quinta-feira, 21 de junho, os brasileiros venceram o Uruguai, novamente com uma ampla vantagem, 35 a 21. Com esse resultado, o Brasil avança para as semifinais como líder do Grupo B.

O confronto começou com a Seleção Brasileira no ataque, mas o primeiro gol só saiu ao 1’12”, quando Zé Toledo balançou a rede uruguaia. O Uruguai não reagia, o Brasil dominou os minutos iniciais e aproveitou para abrir a vantagem, em menos de cinco minutos, abriu +5 de diferença (5-0). O primeiro gol dos uruguaios só saiu aos 5′.

O goleiro uruguaio, Felipe, fazia boas defesas, mas muitas vezes não conseguia chegar a tempo na bola. A defesa celeste era lenta, tinhas buracos e não conseguia segurar os avanços do rápido ataque rival. Já o Brasil tinha uma defesa ágil, que segurava e bloqueava os avanços do ataque do Uruguai, que por sua vez era rápido, porém não conseguia trabalhar passes e não conseguia arremessar a gol. O ataque brasileiro era forte, trabalha bem a troca de passes e fez vários gols de jogadas ensaiadas. Aos 21′, o Brasil já havia aumentado a vantagem para +10 (16-6), e aos decorrer dos últimos 10 minutos, essa diferença aumentou para 12 gols. Placar Parcial: BRA 20 x 8 PAR.

A etapa complementar começou com o Uruguai no ataque, contudo quem marcou o primeiro gol pós-intervalo foi o brasileiro Leonardo Dutra. Brasil e Uruguai voltaram diferentes, com formações alteradas. O jogo ficou mais equilibrado, com as duas seleções mais atentas.

Nos 10′ iniciais, a Seleção Brasileira dominou o confronto, conseguia defender bem e contra-atacava melhor, fazendo o marcador ser alterado e a vantagem aumentada (25-10). Toda via, a seleção uruguaia passou a atacar mais forte e intensamente, a defesa roubava a bola do Brasil, quando não interceptava os arremessos mais longos da equipe verde e amarela. Isso obrigou o Brasil a ficar mais tempo na defesa, não conseguia contra-atacar, muito menos ia a área uruguaia. O Uruguai, mesmo atacando, não conseguia encostar no marcados nem diminuir a vantagem, pois os brasileiros tinham uma defesa que fechava, cometiam poucas faltas e ainda contavam com as defesas de Leonardo. Já nos minutos finais, a Seleção Brasileira conseguiu se reencontrar em quadra, parou de perder passes, e assim, conseguiu atacar e contra-atacar, voltando a marcar mais gols. Faltando 21 segundos para o fim, o Uruguai marcou o último gol do confronto, de 7 metros, convertido por Nicolas. Placar Final: BRA 35 x 21 URU.]

Nessa sexta-feira, 22, as seleções estão de folga e a fase final começa a ser disputada no sábado, dia 23. A Seleção Brasileira encarará na semifinal o segundo colocado da Chave A, às 19h.